domingo, 31 de maio de 2015

Correr ou caminhar?

Na hora de emagrecer, quais desses exercícios estimulam mais a perda de gordura e gastam mais calorias? Caminhar ou correr são exercícios aeróbicos e ambos ajudam no emagrecimento, além de beneficiar todo o corpo. O Ideal é seguir algumas regrinhas e não se desgastar na hora do treino. Para quem é sedentário e está começando a fazer atividade física, a melhor opção é a caminhada leve, que tem uma intensidade menor do que a corrida. A caminhada é uma maneira de prevenir e tratar diversas doenças, como a hipertensão. Já a corrida é indicada para pessoas que têm aptidão e um maior condicionamento físico. Quem sente dor, por exemplo, deve optar pela caminhada já que a corrida oferece maior instabilidade dos movimentos e pode agravar a lesão. Porém, com o passar do tempo, os sedentários que começam pela caminhada já podem se arriscar aos poucos na corrida, aumentando a velocidade gradativamente até encontrar o nível mais confortável. Se ainda faltar condicionamento físico, é melhor caminhar mais tempo do que correr. A escolha entre corrida e caminhada depende também de alguns fatores: se a intenção é apenas ser uma pessoa mais ativa, a caminhada simples e leve já é suficiente. No entanto, se o objetivo for emagrecer ou competir, por exemplo, é melhor optar pela corrida. Você acha que correr é melhor que caminhar? Estudo realizado na Universidade da Califórnia (EUA) concluiu que ambas as atividades são igualmente eficazes para reduzir o risco de hipertensão, diabetes e doença coronariana. Participaram do estudo 48, 105 adultos, na faixa dos 40 anos. Destes, 33.060 pessoas praticavam corrida e 15.045 eram adeptos a caminhada. Todos foram acompanhados durante seis anos, em relação a níveis de colesterol no sangue, pressão arterial, diabetes e doença coronariana. Os resultados demonstram que o risco de hipertensão em quem pratica corrida diminui 4,2%, enquanto naqueles que caminham 7,2%. Quem corre pode ter seu colesterol reduzido em 4,3%, e quem caminha, 7%. Ainda de acordo com a pesquisa, correr diminui o risco de diabetes e doença coronariana em 12,1% e 4,5%, respectivamente; enquanto caminhar, reduz essa possibilidade em 12,3% e 9,3%. Apesar de ajudar a emagrecer, a corrida também exige muito da alimentação já que precisa de energia. Além disso, para melhorar o desempenho, é importante também fazer exercícios para fortalecer a musculatura. Caminhar por meia hora ajuda a queimar 300 calorias. Já a corrida, 800 calorias por hora. Essa rotina indicada pode aumentar e muito a perda calórica, facilitando muito mais a perda de peso. Portanto entre caminhar ou correr prefira a segunda opção para emagrecer mais rapidamente. Porém, – Não se esqueça de se alongar antes e depois do treino. – Use roupas confortáveis e tênis próprios para corrida. – Hidrate-se durante o treino, beba devagar, mas não fique sem, o treino faz você perder muita água e o que não pode é ficar com o tanque vazio. – Escolha os melhores locais e horários para treinar. Evite terrenos muito duros ou irregulares, pode causar problemas nas articulações, tendinite ou torções. Escolha lugares menos íngremes para evitar problemas posturais. Escolha os horários em que o sol não esteja tão forte, pois, o desgaste vai ser muito maior em horários muito quentes.

Um comentário:

marcos nunes disse...

Muito bom Léo, seguindo vc aqui,abraço